top of page
  • xploreimmigration

CASA BRANCA DEVE TER PODERES DE IMIGRAÇÃO LIMITADOS



Em uma discussão tensa e emaranhada na terça-feira (29), a Suprema Corte lutou para decidir se reviveria as diretrizes de aplicação da imigração emitidas pelo governo Biden, que estabeleceram prioridades para decidir quais imigrantes não autorizados deveriam ser presos e detidos.


As questões legais no caso foram de conseqüências extraordinárias, observaram vários juízes. Permitir processos rotineiros de estados que desafiam as políticas federais nesta área “traria a política de imigração a um impasse”, disse a juíza Elena Kagan. Um argumento pressionado pelo governo Biden sobre o poder limitado dos juízes federais para abordar a questão, disse o presidente do tribunal John G. Roberts Jr., era "bastante radical". O juiz Brett M. Kavanaugh chamou o argumento de "bastante surpreendente" segundo o The New York Times.



OPINIÃO XPLORE GROUP


“Precisamos estar atentos a estas questões que impactam a vida do imigrante. O congresso americano jamais pode colocar os anseios políticos acima dos interesses nacionais. A burocracia é importante, mas neste caso pode atrasar a retomada econômica do pais.” afirma Andreas Perdicaris - CEO da Xplore Group.

Comments


bottom of page